Publicidade

Examinador do DETRAN é preso por pedir propina de alunos em Leme

Um examinador credenciado pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran-SP) foi preso em flagrante por corrupção passiva em Leme, na tarde desta quinta-feira (16), após pedir dinheiro para aprovar uma aluna no exame prático de CNH. Ele também confessou que recebeu dinheiro de outro aluno.

Em nota, a assessoria de imprensa do Detran informou que será instaurado um processo administrativo contra o examinador, que poderá ser descredenciado. Ele foi suspenso por 30 dias e não será convocado para realizar novos exames práticos.

Segundo o delegado Carlos Eduardo Malaman, a equipe da Polícia Civil foi procurada por uma aluna de uma autoescola e o diretor do Detran de Leme dizendo que um examinador havia pedido R$ 200 para passá-la no teste de direção para carro.

Como a mulher disse que não tinha o dinheiro no momento, o examinador disse para ela voltar com o valor mais tarde. Ela então fez a denúncia ao Detran e depois foi à polícia.

Os policiais montaram campana em uma viatura descaracterizada no local onde o dinheiro seria entregue e filmaram o momento em que o examinador recebeu os R$ 200.

O homem foi preso em flagrante. Com ele também foram encontrados R$ 300 e o nome de outro aluno que fez prova nesta quinta-feira. O examinador confirmou que tinha pedido dinheiro aos dois alunos para “ajudar” a passar na prova.

Um aluno que estava fazendo o exame no momento também prestou depoimento. Ele disse que o examinador pediu que ele estacionasse o carro para entregar o RG que uma aluna teria esquecido com ele.

O delegado ressaltou que o homem é credenciado e não funcionário do Detran. Ele foi levado para a cadeia de Pirassununga, onde aguardará a audiência de custódia. A pena para o crime de corrupção passiva varia de 1 a 8 anos de prisão e multa. Fonte: G1 São Carlos

MULHER É MORTA COM 10 FACADAS NO JARDIM ANTEGHINI

Uma mulher de 56 anos foi assassinada com 10 facadas em frente sua casa no bairro Jardim AntheghinI, na madrugada desta quinta-feira (16).

De acordo com a Polícia Militar, o crime aconteceu por volta da 1h, na Rua Benedito Pereira de Morais, quando uma moradora ouviu gritos na casa vizinha e acionou a PM.

Marinete Conceição da Mata estava com ferimentos no corpo e deitada na calçada, ao lado do seu carro que estava com a porta aberta.

Segundo a PM, a porta da casa da vítima também estava aberta, mas nenhum pertence foi levado.

A vítima foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e encaminhada até a Santa Casa, mas não resistiu aos ferimentos. Ninguém foi preso. Fonte: G1 São Carlos

COMENTE:

0 Comentários