Publicidade

INSS desmente fake news sobre aposentadoria que circula em redes sociais


Está circulando uma informação falsa de que o cidadão acima de 60 anos que estiver na rua a partir de sexta-feira (20/03) terá sua aposentadoria suspensa por tempo indeterminado.

O mesmo conteúdo inverídico, com uma suposta penalidade de suspensão da aposentadoria pelo prazo de 1 mês e em caso de reincidência por até 6 meses, consta também em um texto que simula um decreto do Governador do Distrito Federal.
Imagem circula em redes sociais simula um decreto do governo federal
O INSS reitera que vem tomando uma série de medidas para assegurar a saúde dos cidadãos, em especial a dos idosos, para evitar que se exponham ao risco de contágio do coronavírus.

Na quinta-feira (19/03), foi anunciada a suspensão do atendimento nas agências, em princípio, até o início de abril.

Cabe lembrar que os segurados podem ter acesso aos serviços pelo Meu INSS (site gov.br/meuinss ou aplicativo para celular) ou por meio da Central 135, que funciona de segunda a sábado de 7h às 22h horasFonte: INSS

ATENÇÃO: Serviços e pedidos de benefícios podem ser feitos sem sair de casa


Em atendimento às orientações do Ministério da Saúde quanto à prevenção ao Covid-19 (Coronavírus), o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) reitera que os segurados podem ter acesso aos serviços ou pedir um benefício do INSS diretamente pela Internet. Basta acessar o Meu INSS através do gov.br/meuinss ou ligar para a Central 135, que funciona de segunda a sábado de 7h às 22h horas.

A fim de resguardar a saúde e segurança dos cidadãos, o atendimento presencial no INSS foi suspenso temporariamente.

Recentemente, todos os servidores acima de 60 anos, portadores de doenças crônicas, gestantes e lactantes ou aqueles cujos familiares que habitam na mesma residência estejam no grupo de risco de aumento de mortalidade passaram a exercer suas atividades de forma remota.

COMENTE:

0 Comentários